sábado, 23 de maio de 2009

Seremos nos os criminosos?


O que corre pela cabeça de alguns políticos está muito longe da compreensão de nós, reles cidadão. Tempos em tempos estes mesmos vem se rebaixar a altura do povo com aquele velho sorriso amarelo mendigar alguns de nossos votos.
Esta democrática-prática-obrigatória impõe que muito joio se eleja para trabalhar pelo e para o povo e defender a vontade da nação. Sabemos também que isso é extremamente ilusório, pois vemos a cada dia um novo escândalo surgindo e cobrindo o escândalo da semana passada. CPIs atrás de CPIs, denúncias, favorecimento e a lista corre a solta.
Pensando em nosso bem estar e por nossa segurança enquanto cidadãos ligado a maior rede de informações e entretenimento, senadores estão tentando aprovar uma lei para que nos sejamos vistos como potenciais criminosos.
Além de imoral ela viola claramente a nossa liberdade. Esta projeto de lei obrigaria todos os provedores de acesso a internet a policiar e fazer o papel de dedo-duro, guardando informações de onde você tem navegado. Se por acaso você estiver baixando alguma coisa e alguma grande negociadora de "arte" como a industria musical ou cinematográfica poderia obter teus dados através do seu provedor que passaria a função de informante/dedo-duro para a polícia ou responsável.

Algumas coisas estão pouco claras e vemos que este senador Azeredo está na verdade tentando favorecer a grandes industrias fono e cinematográficas e desprezando a troca de informação tendo em vista que toda nova idéia se origina de outra idéia.
Se você, professor citar um trecho de um livro na internet e que não tenha pedido permissão do autor você poderá dormir enclausurado. O mesmo para blogs, sites sobre música e qualquer outro de cunho intelectual privado ou copyright.


Listei alguns destes absurdos abaixo.

1- proibir o compartilhamento de arquivos via Torrent. (compartilhar qualquer tipo de arquivos seria proibido)

2- criminalizar o download, a cópia e o envio de vídeos no Youtube que não estejam com as licenças claramente definidas (... "Se o dado ou informação obtida desautorizadamente é fornecida a terceiros pela rede de computadores...a pena é aumentada de um terço")

3- quer impedir o transporte de músicas e arquivos MP3 em iPod (... "nas mesmas penas incorre quem mantém consigo, transporta ou fornece dado sem autorização de seus autores.")

4- definir como crime o arquivamento de filmes que passam na TV (pois a TV digital e o setup box são "os instrumentos de armazenamento de dados eletrônicos ou similares, os instrumentos de captura de dados"- E foi-se o tempo de videocassetes e fitas k7)

5- tornar um ato criminoso o fato de copiar e scanear livros e impressos para o seu computador, pen-drive, sem autorização do autor, mesmo que seja para uso próprio (..."sem autorização do legítimo titular")

6- incentivar a prisão de quem baixa games e aplicativos shareware e os utiliza além do prazo definido pelo vendedor (..."desses se utiliza além do prazo definido ou autorizado")

7- inibir e transformar em criminoso quem cede o sinal da TV a cabo de sua sala para o quarto do seu irmão ou vizinho ("...conversores de sinais de rádio ou televisão digital ou qualquer outro meio capaz de processar, armazenar, capturar ou transmitir dados utilizando-se de tecnologias magnéticas, óticas ou qualquer outra tecnologia eletrônica ou digital similar")

8- transformar milhares de blogueiros que baixam imagens disponíveis na web, com ou sem mudanças em Gimp ou outro software de desenho vetorial, em criminosos. ("... Se o dado ou informação obtida desautorizadamente é fornecida a terceiros pela rede de computadores...a pena é aumentada de um terço.")

Deu pra ver por ai que este projeto do nosso senador Eduardo Azeredo parece irreal aqui no Brasil, mas foi o que o gentil e conservador Sarkozy está tentando empurrar goela abaixo na França.

Estão rolando algumas formas de abaixo assinados pela internet e vou sitar apenas um.

No governo, os milicos já tiram alguns anos nossos proibindo a tecnologia vinda de fora para o Brasil. Não abaixemos a cabeça e deixem que levem uma de nossas fontes de informação.

3 comentários:

(A)zeiTs (↙↙↙) disse...

Muito bom o texto, mesmo sem ser nosso foco, é algo muito bom de ser postado, pois mexe com toda a juventude, afinal, o computaodr ja faz parte da vida de quase todo ser humano!

vlw Igor, ja assinei a Petição!
mas creioq eu nem vai dar certo isso, se na França não aprovaram, aqui, creio que não será diferente

Rude Igor disse...

Claro claro. Coloquei como forma de protesto sobre como alguns destes políticos respeitam a vontade de milhões passando por cima de direitos e bom senso em troca de conservadorismo e outros benefícios próprios.

(A)zeiTs (↙↙↙) disse...

eu duvido que essa lei se aplique a eles caso fosse vigorada